Foto da noticia

Responsabilidade, Valores e Cuidados dos Jovens em Cristo - Parte III

02 de Agosto de 2016


Escrito por Reunião de Jovens - Min. Jd. S. Cristóvão   
01-May-2012
www.sadoutrina.org - Biblioteca Digital - Trabalhos

Jovens na reapresentação - 4º Encontro Metropolitano da Região de Campinas
Anderson, Amauri, Wellington, Simone e Tatiane

A internet é uma boa ferramenta? Que conteúdo deve ser acessado?
Falamos bastante sobre namoro, amor, responsabilidades e valores dos jovens cristãos em relação a família e ao mundo e agora passaremos a tratar de um tema que se apresenta com uma abrangência cada vez maior, principalmente entre os jovens: a internet. Mas, afinal, o que é a internet?
A internet, como rede mundial de computadores interconectados, é um privilégio da vida moderna para a sociedade. Ela é instantânea, imediata de alcance mundial, expansível até o infinito em termos de conteúdo e de alcance, flexível e adaptavél a um nível surpreendente.
O que torna a internet tão diferente das outras invenções humanas é o insignificante período de tempo em que ela precisou, para ser usada por milhões de pessoas. A internet levou apenas 4 anos para atingir 50 milhões de usuários no mundo. E hoje já é a maior rede de comunicação internacional: ela está prestes a alcançar cerca de um terço da população mundial, ou mais de 2 bilhões de pessoas, e continua crescendo.
Sob uma perspectiva religiosa, ela tem a impressionante capacidade de ultrapassar a distância, levando os indivíduos a entrarem em contato com as pessoas de boa vontade, que nutrem os mesmos interesses. Osite da Sã Doutrina é um exemplo de transmissão de dados úteis. Através deste meio de comunicação, a igreja tem prestado um importante serviço de informação.
A internet, assim como muitas outras inovações, tem faces que podem ser usadas para o bem ou para o mal. Dessa forma, precisamos conhecer os efeitos positivos e os negativos que possam ter impacto nas relações familiares e nos valores dos nossos jovens. Não são poucos os casos de distanciamento do relacionamento entre pais e filhos, irmãos e amigos, e até mesmo entre marido e mulher devido a utilização irresponsável da internet e das redes sociais. Isso pode ocorrer pelo excessivo tempo de conexão, pela navegação em horários impróprios ou pelo acesso a paginas não recomendadas para determinadas idades ou para idade nenhuma.
Sobre isso, gostaríamos de deixar algumas palavras de encorajamento aos vários grupos. Em particular, aos líderes da igreja, aos pais e, especialmente, aos jovens.
 
Aos líderes da igreja
A bíblia é uma obra essencial para capacitar e incentivar as lideranças da igreja a enfrentarem os desafios deste século. Ser um líder nem sempre é fácil. A Bíblia diz em II Crônicas 15:7 “Vós, porém, esforçai-vos, e não desfaleçam as vossas mãos; porque a vossa obra terá uma recompensa.” e II Timóteo 3:16 e 17 “Toda escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação na justiça, a fim de que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente habilitado para toda boa obra”

Aos pais
Os pais devem se esforçar para estarem presentes em todos os momentos da vida de seus filhos. No que concerne à internet, os filhos têm com freqüência mais familiaridade com este instrumento do que os próprios pais. Não obstante, os pais têm a séria obrigação de orientar e vigiar sobre o uso que os seus filhos fazem da mesma.
Os pais devem estar prontos para intervir, da melhor maneira possível, visando sempre o bem de seus filhos, devem dialogar em conjunto sobre aquilo que se vê e se experimenta no espaço virtual. Se isto significa ter que aprender mais acerca dele do que sabem até agora, isto seria muito bom.
Neste sentido, o dever fundamental dos pais consiste em ajudar os seus filhos a tornarem-se judiciosos, responsáveis e não dependentes da internet. O amor também se demonstra sendo firme no estabelecimento de limites e responsabilidades.

Às crianças e aos jovens
A internet pode ser uma ferramenta extremamente útil e indispensável para pesquisas de colégio, práticas de leitura e escrita. É uma porta aberta para um mundo maravilhoso e fascinante, dotado de uma poderosa influência formativa. Mas, diante de toda esta tecnologia, alguns cuidados precisam ser observados, pois nem tudo o que se encontra do outro lado desta porta é seguro, sadio e verdadeiro. Do bom uso da internet os jovens são devedores a si mesmos, aos pais e ao próprio Deus. 

A bíblia tem orientado a todos: “Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para poderdes permanecer firmes contra as ciladas do diabo”.

A todas as pessoas de boa vontade
Então, finalmente gostaríamos de sugerir algumas virtudes, que precisam ser cultivadas por todos os irmãos que desejam fazer bom uso da internet. É necessária a prudência a fim de se observar claramente quais são as suas implicações e enfrentar de maneira criativa os seus desafios e as suas oportunidades. A palavra prudência vem do latim e que quer dizer: virtude que leva o homem a prever e a evitar os erros e os perigos.
É preciso também toda a temperança, uma abordagem disciplinada sobre este instrumento tecnológico, a fim de utilizá-lo de maneira sábia, exclusivamente para o bem. A temperança tem a ver com o autocontrole, o domínio próprio e é uma virtude in­dispensável ao crente que deseja viver uma vida de constante triunfo. A temperança é o muro de defesa do crente. Sigamos o conselho do apóstolo Paulo: “Examinai Tudo. Retende o que é bom” - I Tessalonicenses 5:21.

A graça seja com todos os que amam a nosso Senhor Jesus Cristo com amor incorruptível.

Atualizado em ( 01-May-2012 )

Publicações