A Misssão de Cristo

02 de Agosto de 2016


Escrito por Reunião de Jovens - Min. Pq. Universitário   
10-Mar-2008
SÃ DOUTRINA ESPIRITUAL DO SÉTIMO DIA 
 Organização da Sã Doutrina
www.sadoutrina.org
                                                                   
                                                                 

A MISSÃO DE CRISTO

                                Por Daniel Medeiros, Davi Medeiros e Isaque Alves da Silva – Campinas – SP.        

Quando Deus fez o mundo separando a água e fazendo aparecer à porção seca, criou plantas, animais, e todos os seres viventes.Então falou Deus com seu anjo: - Façamos o homem à nossa semelhança. E Deus criou homem e mulher, sendo estes para viver toda eternidade. Mas satanás desde o princípio já se fazia presente sobre este mundo, e fez o homem cair em pecado tornando-o mortal.  E Deus para não perder sua obra de criação, viu a necessidade de que um salvador  voltasse a dar vida eterna para o homem.Mas primeiramente, antes que este salvador das nações viesse sobre este mundo, escolheu Deus um povo para segui-lo; o povo de Israel, da descendência de Abraão.E do povo escolhido por Deus, surgiram muitos profetas falando da vinda de Cristo.             

A Profecia
Eis que um profeta do senhor profetizou, de um homem de grande humilhação que suportaria todo o sofrimento a ele imposto.Era indigno entre os homens, homem de dores experimentados nos trabalhos e  não fizeram dele caso algum.Foi ferido pelas nossas transgressões, moído pelas nossas iniqüidades, pelas suas pisaduras fomos sarados.Ele foi oprimido, mas não abriu a sua boca, como um cordeiro foi levado ao matadouro, e, como a ovelha muda perante aos seus tosquiadores, ele não abriu sua boca.Porquanto nunca fez injustiça nem houve engano na sua boca.Derramou a sua alma na morte, e foi contado com os transgressores, mas ele levou sobre si o pecado de muitos, e pelos transgressores intercede.

 Gabriel: O anjo do Deus altíssimo
E, no sexto mês, foi o anjo Gabriel enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré a uma virgem desposada com um varão, cujo nome era José, da casa de Davi, e o nome da virgem era Maria.E entrando o anjo onde ela estava, disse: Salve agraciada, o senhor é contigo: Bendita és tu entre as mulheres. Disse então o anjo: - Maria não temas, porque achastes graça diante de Deus. Eis que em teu ventre conceberás e darás à luz a um filho, e por-lhe-ás o nome de Jesus.Este será grande, e será chamado filho do Deus altíssimo, e o senhor Deus lhe dará o trono de Davi, seu pai e reinará eternamente na casa de Jacó, e o seu reino não terá fim. 

Maria visita Isabel
E foi Maria às montanhas, em uma cidade de Judá.E aconteceu que, ao ouvir Isabel a saudação de Maria, a criança saltou no seu ventre, e Isabel foi cheia do Espírito Santo. Exclamou Isabel em grande voz, e disse: Bendita és tu entre as mulheres e bendito o fruto do seu ventre. 

O nascimento de João Batista
E completou-se para Isabel o tempo de dar à luz, e teve um filho, e chamou-se João. E a mão do senhor estava com ele. 

 O nascimento de Jesus Cristo
Subindo José até a cidade da Judéia a fim de alistar-se com Maria sua mulher, que estava grávida.E aconteceu que, estando eles ali, se cumpriram os dias em que ela havia de dar à luz.E deu à luz a seu filho primogênito e envolveu-o em panos, e deitou numa manjedoura, porque não havia lugar para eles na estalagem.E já passado oito dias, foi levado ao templo para ser circuncidado, cumprindo-se assim a lei, que todo o macho primogênito será consagrado ao senhor. 

O menino Jesus no meio dos doutores
E o menino crescia, e se fortalecia em espírito, cheio de sabedoria, e a graça de Deus estava com ele.Tendo ele já doze anos, subiram a Jerusalém a festa da Páscoa, segundo o costume. E já passado os dias, desceram a Nazaré para sua casa. Então deram falta de Jesus e voltaram para sua procura, e chegando seus pais, o encontraram no meio dos homens entendidos e todos os admiravam de sua sabedoria.Porque já cuidava das coisas de seu pai

 O batismo de Jesus
E aconteceu naqueles dias que Jesus, tendo ido de Nazaré, da Galiléia, foi batizado por João, no Jordão.E, logo que saiu da água, viu os céus abertos, e o Espírito, que como pomba descia sobre ele. E ouviu-se uma voz dos céus, que dizia: - Tu és o meu filho amado em quem me comprazo.E logo o espírito o impeliu para o deserto. E ali esteve no deserto quarenta dias, tentado por satanás. E vivia entre as feras, e os anjos o serviam. 

A eleição dos 12 Apóstolos de Jesus
Cristo subiu ao monte para orar e passou a noite orando a Deus.E quando já era dia chamou os seus discípulos e escolheu doze deles, a quem deu o nome de Apóstolos.Simão ao qual chamou Pedro, e André seu irmão; Tiago e João; Filipe e Bartolomeu.E Mateus e Tomé; Tiago filho de Alfeu, e Simão, chamado zelador;E Judas, filho de Tiago; e Judas Iscariotes, que foi o traidor. 

Alguns milagres
Jesus transformou a água em vinho em um casamento.Jesus cura um paralítico em Betesda.Jesus faz a multiplicação dos pães.Jesus cura um cego de nascença.E um dos maiores milagres que Jesus fez, foi ressuscitar a Lázaro, que havia falecido a quatro dias.

A crucificação
Tendo Jesus ensinado o seu caminho, sua verdade, feito muitos milagres e maravilhas, chegava então o fim da sua missão no mundo.E Judas, um dos seus apóstolos, vendeu o seu mestre por trinta moedas de prata, tornando então o traidor de toda esta história.Com um beijo, chamado o beijo da traição os principais dos sacerdotes e dos escribas e os anciões lançaram-lhe mãos para prendê-lo.Cristo sem nada dever foi acusado de profanar o nome do altíssimo, porém ele nada respondia.Ora no dia da festa costumava soltar-lhe um preso qualquer que eles pedissem.Então os principais dos fariseus incitavam o povo para soltar a Barrabás o qual tinha cometido uma morte. E assim foi solto Barrabás.E o povo pedia que crucificasse a Cristo. Então convocaram uma corte, e vestiram no de púrpura e tecendo uma coroa de espinhos, lhe puseram na cabeça, e começavam a blasfemar de Jesus dizendo: salve rei dos judeus.E feriram na cabeça com cana, e cuspiram nele, e, postos de joelhos, o adoraram.

E havendo escarnecido despiram a púrpura e vestiram com seus próprios vestidos, e o levaram para fora a fim de o crucificarem.E construíram uma cruz de madeira, fazendo-o carregar até o lugar da crucificação.Deram-lhe a beber vinho com fel, mas ele provando não quis beber.Cristo então foi crucificado e em cima da sua cabeça puseram sua acusação. Este Jesus,  Rei dos Judeus.Depois de muitos açoites e judiações Cristo entregou seu espírito a Deus e, expirou, e ali foi morto no madeiro o imaculado de Deus o cordeiro santo. E ao terceiro dia foi ressuscitado e assentou-se a destra do pai.Então foi aberta a ressurreição onde se tornou a dar o direito a todos a ter vida eterna, conforme o Apóstolo Paulo disse: - Como todo o homem morre em Adão, também todos serão vivificados em Cristo.Sedes, pois imitadores de Deus como filhos amados; e andai em amor, como também Cristo vos amou, e se entregou a si mesmo por nós, em oferta e sacrifício a Deus, e cheiro suave.“A graça seja com todos os que amam o nosso Senhor Jesus Cristo em sinceridade. Amém”.  

Atualizado em ( 15-Mar-2008 )
 

Publicações