Foto da noticia

PPGH 09 - Lia 

26 de Janeiro de 2017

Firmino e Elias


PPGH - Lia - Deus Não Olha a Cor dos Olhos... 

sadoutrina.org - Biblioteca Digital - Trabalhos


firminoalves@uol.com.br
eliasvicentedeoliveira@hotmail.com

Pequenos Personagens – Grandes Histórias
Lia – PERSONAGEM 9 –
 
“Deus não olha a cor dos olhos...”
O Espírito Santo manifesta os pensamentos de DEUS, que não são como os nossos pensamentos.
 
“Lia tinha os olhos baços, porém, Raquel era formosa de porte e de semblante”. “Mas Jacó amava mais a Raquel do que Lia...”
 
Lia sofreu por não ser dotada de tanta beleza física quanto à sua irmã.
Seu sofrimento é lembrado quando dava nome aos filhos.
Quando teve o primeiro disse: “O SENHOR atendeu à minha aflição...”
 
Ficar em segundo plano, ser menos amada, ou pior, não ser amada!
A aflição angustiava a alma de Lia. Seu coração estava magoado.
Porém, o SENHOR estava atento ao sofrimento de Lia.
 “Vendo o SENHOR que Lia era desprezada, fê-la fecunda...”
Embora de sentimento ferido, de alguma forma Lia sabia e confiava no seu DEUS.
 “Soube o SENHOR que era preterida e me deu mais este...” foram suas palavras quando do nascimento do seu segundo filho.
 
A beleza física sempre exerceu um fascínio no mundo, embora o padrão de beleza mude constantemente de época em época.
Quantas pessoas hoje não são desprezadas por não estarem nos padrões da beleza que o mundo impõe? Ou talvez por não estarem nos padrões econômicos que o mundo exige?
Assim como Lia, essas pessoas são aflitas.
São desprezadas...são magoadas.
Entretanto, o SENHOR ainda continua atento ao sofrimento dos seus filhos.
 
Mas e Jacó?
Pois eis que o tempo passa e Jacó encontra com o Anjo. Luta com ele e prevalece! 
Agora já não é mais Jacó. Agora ele é Israel!!!
Um novo nome, um novo caráter, uma nova criatura.
 
E lá no capítulo 50 de Gênesis, quando está a distribuir bênçãos proféticas aos seus filhos e ordenanças a respeito de si mesmo, faz menção de seus pais e diz:
“Ali sepultaram a Abraão e Sara, sua mulher; ali sepultaram Isaque e Rebeca, sua mulher;  e ali sepultei Lia...”
No belíssimo e emocionante discurso, ao mencionar os Patriarcas e suas mulheres, Israel não fala de Raquel.
Ele fala de Lia!!!
E a coloca no patamar de Sara e Rebeca, pedindo para ser sepultado junto com a sua, agora honrada, esposa!!!!
 
Já não há mais lugar para aflição, nem para a angústia e nem para a mágoa.
O desprezo foi convertido em honra.
E honra eterna, pois foi a fecunda Lia que deu a luz a Judá. De quem seu pai profetizou:
“O cetro não se arredará de Judá”
O Leão da Tribo de Judá, Nosso SENHOR Salvador JESUS CRISTO, tem sua genealogia em Lia, não em Raquel.
 
O desprezado de hoje pode ter a plena convicção, que se a sua fé e esperança permanecer no Justo, um dia dirá como Lia: “Esta vez louvarei ao SENHOR.”
“Deus não olha a cor dos olhos, nem o tipo de cabelo. Nem o peso e nem altura, muito menos seu dinheiro. Seja homem ou mulher, tenha a cor que tiver, venha de onde vier, DEUS vos ama assim mesmo”
Ribeirão Preto, Janeiro de 2017.
ELIAS VICENTE DE OLIVEIRA
FIRMINO ALVES NETO

Óia nóis aí de novo, Zóião e Zóinho!!!!!
Imagem Abertura

Publicações