Foto da noticia

A Grande Ceia

03 de Julho de 2017
duda_mateus@hotmail.com
Douglas Mateus


sadoutrina.org - Biblioteca Digital - Trabalhos

A Grande Ceia | Lucas 14:16-24
 
"Jesus respondeu: Certo homem estava preparando um grande banquete e convidou muitas pessoas. Na hora de começar, enviou seu servo para dizer aos que haviam sido convidados: Venham, pois tudo já está pronto. Mas eles começaram, um por um, a apresentar desculpas.

O primeiro disse: ‘Acabei de comprar uma propriedade, e preciso ir vê-la. Por favor, desculpe-me’.

Outro disse: ‘Acabei de comprar cinco juntas de bois e estou indo experimentá-las. Por favor, desculpe-me’.

Ainda outro disse: ‘Acabo de me casar, por isso não posso ir’.

O servo voltou e relatou isso ao seu senhor. Então o dono da casa irou-se e ordenou ao seu servo: ‘Vá rapidamente para as ruas e becos da cidade e traga os pobres, os aleijados, os cegos e os mancos’. Disse o servo: ‘O que o senhor ordenou foi feito, e ainda há lugar’.

Então o senhor disse ao servo: ‘Vá pelos caminhos e valados e obrigue-os a entrar, para que a minha casa fique cheia. Eu lhes digo: nenhum daqueles que foram convidados  provará do meu banquete’

Esta comida é todo o fundamento de cristo toda, a Palavra de Deus é comparada à esta comida...
 
Quando Jesus começou sua missão com 12 anos ele ensinou doutores...mostrando que não precisa ser velho para ter sabedoria, pois o saber de Deus e do Espírito, é diferente do saber do mundo, por isso ele os ensinou...
 
Com 30 anos, Jesus começou a convidar todos para a vida eterna. Sim, a vida que perdemos em Adão e  Eva. Ele veio reinstituindo o plano de Deus, pois o amor de Deus pelo homem sempre foi e sempre será grandioso,

No Antigo Testamento era sacrifício de animais  para a expiação dos pecados e, no Novo Testamento, Jesus sendo o ultimo cordeiro, Deus lhe entregou para ser sacrificado por todos os nossos pecados, sendo ele a porta para a salvação, pois é o caminho a verdade e a vida, e a sua verdade é a mesma de Deus.

Ele libertou o povo da escravidão do pecado, pois aquele que comer desta comida (participar da Sua Palavra) nunca mais terá fome, e se beber desta água nunca mais terá sede. Jesus é a ressurreição, Ele é a caridade espiritual, ele é o assunto de TODA  a escritura sagrada, porque esse sempre foi o Plano de Deus nos dar a vida eterna.

A lei cerimonial que era a lei do sacrifício, depois de Jesus Cristo, se transformou na lei da caridade espiritual que é a mesma lei cerimonial, mas agora  espiritualmente, pois como lá no antigo testamento pagava pecado, hoje também paga, tanto dos que ressuscitam, como os nossos pecados  involuntários, provamos isto no capitulo 2 primeiro Pedro ver.5 "vós também, como pedras vivas, sois edificados casas espirituais e sacerdócio santo, para oferecerdes sacrifícios espirituais, agradáveis a Deus por Jesus cristo.

O mesmo Pedro disse na sua primeira epistola, capitulo 4:8:- Mas, sobretudo, tende ardente caridade uns para com os outros, porque a caridade cobrirá a multidão de pecados.

E Paulo em Colossenses 3:14- E, sobre tudo isto, revesti-vos de caridade, que é o vinculo da perfeição

E Jesus em:
Mateus 5:7- bem-aventurados os misericordiosos pois alcançarão misericórdia.
Mateus 25:40- E, respondendo o Rei, lhes dirá: em verdade voz digo que, quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmão, a mim o fizestes.
 
E João Batista em Mateus 3:8 Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento;

Ou seja um sacrifício único vivo e eterno, sendo ele a SUPREMA EXCELÊNCIA DA CARIDADE, sendo ele a lei cerimonial, sendo ele a ressurreição, sendo ele o sumo sacerdote segundo a ordem de Melquesedeque, sendo ele JESUS CRISTO.

Desta forma observamos que de  Cristo para cá, é tudo espiritual, mas homem não deixou de pecar. Foi esta a maneira que Deus encontrou, de o homem ser perdoado dos pecados involuntários.

É claro que pra um trabalho tão importante de ressurreição exige uma preparação do corpo e do espírito sendo santificados através dos MANDAMENTOS, para o uso do Espírito Santo, pois não ceifamos sem os anjos e eles não ceifam sem nós...
 
Concluindo:
Jesus Cristo fez a grande ceia em sua época, e eles rejeitaram e o mataram, Não aceitaram se rebaixar a palavra dele, não comeram da sua comida, não aceitaram ser guiados por Jesus e por Deus, mas como seu sangue teve esta grande força de serem eles justificados pelas suas obras, toda obra irá ser provada...
 
Vivos em carne foram convidados a comer, tanto naquele tempo de Cristo o povo da  sua descendência, (Israel ) até os dias de hoje esta comida é oferecida, mas poucos aceitam verdadeiramente.

(Que é o convite do senhor para o grande banquete, mas os convidados deram  muitas desculpas)

Sendo um convite de honra, pois é feito para o homem quando em vida material, tendo a oportunidade de ser batizado pelo Espírito Santo e não ser abrasado com fogo como disse João Batista no capítulo 3 de Mateus.

Tendo o homem rejeitado a oportunidade enquanto estava na vida material, em espírito a condição muda! 

(Vão pelos caminhos e valados e OBRIGUE-OS a entrar, para que a minha casa fique cheia.)
 
(materialmente, todos são convidados)
(espiritualmente, todos são trazidos)
 
Paz de Deus a todos,

Publicações