Foto da noticia

A Conversão de Saulo

01 de Agosto de 2016


Escrito por Silvano Codogno   
14-Jan-2015
sadoutrina.org - Biblioteca Digital - Trabalhos
 - silvanocodogno@gmail.com

Quando se faz menção dos primeiros passos de Paulo no cristianismo, logo vem a nossa mente a narrativa do capítulo 9 de Atos dos apóstolos sobre o aparecimento de Jesus ao então Saulo, bem como sua conversão no Senhor. Entretanto, todos os acontecimentos e fatos ocorridos naqueles dias no caminho e na cidade de Damasco não estão relatados neste capítulo.
O próprio Paulo relata mais tarde no mesmo livro dos Atos os fatos que o capítulo 9 não descreve, que são as falas belíssimas e profundas de Jesus e Ananias. Fiz uma compilação dos textos, inserindo dentro do capítulo 9 esses acontecimentos descritos por Paulo, e assim temos na íntegra esse maravilhoso encontro do doutor dos gentios com o Senhor Jesus.
Os textos na cor preta correspondem ao capitulo 9, o primeiro texto que aparece na cor azul, corresponde ao capítulo 26 versículos 16/17 e 18 e corresponde a fala de Jesus. O segundo texto que aparece novamente na cor azul, já no final do texto, corresponde ao capítulo 22 versículos 13/14/15 e 16 e corresponde a fala de Ananias. Boa leitura!
 “E Saulo, respirando ainda ameaças e mortes contra os discípulos do Senhor, dirigiu-se ao sumo sacerdote. E pediu-lhe cartas para Damasco, para as sinagogas, a fim de que, se encontrasse alguns daquela seita, quer homens, quer mulheres, os conduzisse presos a Jerusalém.
E, indo no caminho, aconteceu que, chegando perto de Damasco, subitamente o cercou um resplendor de luz do céu. E, caindo em terra, ouviu uma voz que lhe dizia:
Saulo, Saulo, por que me persegues? E ele disse: Quem és, Senhor? E disse o Senhor: Eu sou Jesus, a quem tu persegues. Duro é para ti recalcitrar contra os aguilhões.
E ele, tremendo e atônito, disse: Senhor, que queres que faça? E disse-lhe o Senhor: Levanta-te e entra na cidade, e lá te será dito o que te convém fazer.
Mas levanta-te e põe-te sobre teus pés, porque te apareci por isto, para te pôr por ministro e testemunha tanto das coisas que tens visto como daquelas pelas quais te aparecerei ainda, livrando-te deste povo e dos gentios, a quem agora te envio, para lhes abrires os olhos e das trevas os converteres à luz e do poder de Satanás a Deus, a fim de que recebam a remissão dos pecados e sorte entre os santificados pela fé em mim.
E os varões, que iam com ele, pararam espantados, ouvindo a voz, mas não vendo ninguém. E Saulo levantou-se da terra e, abrindo os olhos, não via a ninguém. E, guiando-o pela mão, o conduziram a Damasco. E esteve três dias sem ver, e não comeu, nem bebeu.
E havia em Damasco um certo discípulo chamado Ananias. E disse-lhe o Senhor em visão: Ananias! E ele respondeu: Eis-me aqui, Senhor! E disse-lhe o Senhor: Levanta-te, e vai à rua chamada Direita, e pergunta em casa de Judas por um homem de Tarso chamado Saulo; pois eis que ele está orando; e numa visão ele viu que entrava um homem chamado Ananias e punha sobre ele a mão, para que tornasse a ver.
E respondeu Ananias: Senhor, de muitos ouvi acerca deste homem, quantos males tem feito aos teus santos em Jerusalém; e aqui tem poder dos principais dos sacerdotes para prender a todos os que invocam o teu nome.
Disse-lhe, porém, o Senhor: Vai, porque este é para mim um vaso escolhido para levar o meu nome diante dos gentios, e dos reis, e dos filhos de Israel. E eu lhe mostrarei quanto deve padecer pelo meu nome. E Ananias foi, e entrou na casa, e, impondo-lhe as mãos, disse: Irmão Saulo, o Senhor Jesus, que te apareceu no caminho por onde vinhas, me enviou, para que tornes a ver e sejas cheio do Espírito Santo.
Vindo ter comigo e apresentando-se, disse-me: Saulo, irmão, recobra a vista. E naquela mesma hora o vi. E ele disse: O Deus de nossos pais de antemão te designou para que conheças a sua vontade, e vejas aquele Justo, e ouças a voz da sua boca.
Porque hás de ser sua testemunha para com todos os homens do que tens visto e ouvido. E, agora, por que te deténs? Levanta-te, e batiza-te, e lava os teus pecados, invocando o nome do Senhor.
E logo lhe caíram dos olhos como que umas escamas, e recuperou a vista; e, levantando-se, foi batizado”.
Saúde e sejam todos renovados no poder e no conhecimento do Senhor.
Silvano Codogno
Verão/2015 

Atualizado em ( 23-Jan-2015 )
 

Publicações