Comportamento Cristão no Trabalho

31 de Julho de 2016


Escrito por Sidney Mendes   
03-Oct-2008

O PAPE INFORMA - Boletim Informativo do PAPE_JSD - nº. 06 - Agosto de 2006.
(Programa de Aperfeiçoamento Profissional e Estudantil dos Jovens da Sã Doutrina
 
ESPAÇO PROFISSÃO
Por Sidney Mendes
 
  Comportamento Cristão no trabalho  Todos nós sabemos que, em nossas vidas, no nosso dia-a-dia, representamos para a sociedade, diversos “papéis”. Por exemplo, ao mesmo tempo que somos filho, somos também irmão e neto. Podemos ser também primos, ou pai, e também amigo, colega, vizinho, aluno, líder de alguma organização, empregado, chefe, patrão, etc. A conclusão é que representamos vários papéis e todos ao mesmo tempo.

O lado profissional de nossa vida também exige a representação de um papel ou papéis, que são de fundamental importância em nossas vidas, pois sabemos que o sustento de nossas vidas e daqueles que dependem de nós está ligado diretamente a representação desses papéis no ambiente de trabalho.    

Agora, existe um papel em nossa vida que é o fundamental, e deve ser a base de tudo. É o nosso comportamento Cristão.  Ao representar qualquer um desses papéis, seja o papel de pai, de mãe, de amigo, irmão, primo, patrão ou empregado, devemos levar sempre em consideração o nosso lado Cristão.
 
Agora, para aqueles que querem ter sucesso no trabalho e seguirem rumo a  uma carreira vitoriosa, muito cuidado com o comportamento!  Sabemos que o simples fato de ser ético no trabalho e trabalhar direitinho, não garante a você o sucesso nem aquela tão almejada promoção. Para ter realmente sucesso no trabalho, temos de fazer algo a mais do que aquilo que a empresa ou o empregador exige e em alguns casos até mesmo muito mais!   

E convenhamos trabalhar em uma empresa sendo ético e correto é relativamente fácil, agora, subir em uma empresa, alcançar altos postos, mantendo em toda a sua trajetória um caminho reto e cristão é realmente um grande desafio e deve ser meta primordial de qualquer cristão que almeje esse crescimento profissional.
 
Setor Público X Setor Privado 
 
Em algumas de nossas reuniões do PAPE, ao abordarmos o assunto emprego, deixamos bem claro que existem inúmeras diferenças no mercado de trabalho, diferenças essas que podem ser imperceptíveis para a maioria das pessoas, porém fazem uma grande diferença na hora de o jovem escolher sua carreira.A primeira grande diferença, e talvez a principal delas, é que o mercado de trabalho é dividido em dois grandes grupos: o setor Privado e o setor Público.

O setor Privado é composto de empresas que possuem um “dono”, ou seja, existe alguém que investe um certo dinheiro em um negócio, e a expectativa desse “dono” é que esse negócio lhe traga  lucro. Já o setor público, é composto de empresas cujo “dono” ou controlador é o poder público, que pode ser o Estado, Município ou a União. Geralmente as empresas públicas (também conhecidas por estatais) são empresas constituídas para atuar em áreas de interesse de um país ou em áreas onde existe a necessidade de uma atuação mais voltada para o social.  

Exemplos de empresas privadas : Bosch, Mercedes-Benz, Vale do Rio Doce, GE, Dako, IBM, Motorola, Autoban, Itaú, Bradesco, etcExemplos de Empresas Públicas: Petrobrás, Sanasa, Banco do Brasil, Unicamp, Cohab, etc. A quase totalidade das médias, pequenas e micro-empresas são Privadas e as prefeituras municipais e órgãos públicos (tanto do judiciário, como do legislativo e executivo) são considerados setor Público.

É importante salientar que pela legislação atual, qualquer pessoa que queira ser empregado efetivo de uma empresa pública, deverá ser aprovado em um concurso público. Já em uma empresa privada, a contratação de mão de obra é feita aleatoriamente no mercado, através de currículos, agências de emprego, anúncios na mídia, indicações, etc.  

Uma empresa pública proporciona muito mais segurança ao empregado do que uma empresa privada. As demissões em empresas públicas são raras e geralmente as pessoas ficam até se aposentarem. Já em uma empresa privada, a rotatividade da mão de obra (turn-over) é bem alta, porém a remuneração geralmente é um pouco melhor. Também pode-se dizer que o ritmo de trabalho em uma empresa privada , devido a concorrência, é um pouco mais intenso do que nas estatais, porém o horizonte profissional em uma empresa privada, sobretudo se a empresa for multinacional, é bem amplo e compensador.

Há quem prefira a segurança de uma estatal  (Meu pai, por exemplo, trabalhou 25 anos em uma estatal e se aposentou), já outros preferem o risco de uma empresa privada, tendo a contrapartida de uma carreira dinâmica e realizadora. E você? Qual seria sua escolha?
  
 ESPAÇO EDUCAÇÃO
Por José Carlos Edwiges   
Dicas para Aprender Melhor   
Dicas Gerais
 
 - Se você QUER aprender, você VAI aprender. Motivação é a chave principal para qualquer aprendizado. Qual seu objetivo ao aprender? Qual seu interesse?

- Tenha responsabilidade. Priorize as tarefas que você tem a fazer. Quais são as mais importantes?

- Arrisque. Não tenha medo de errar. Afinal, você está aprendendo.- Crie hábitos de estudo. Ache horários em sua semana para se concentrar nos estudos. E siga os horários da melhor maneira possível (não seja um escravo dele). Em que horários você é mais produtivo?

- Tenha uma boa noite de sono. Revise sempre a aula anterior antes de chegar na próxima.

- Escolha um lugar quieto para estudar. Faça pausas entre suas horas de estudo.- Marque as datas importantes do seu curso numa agenda ou caderno.- Cuidado com o stress. Organize sua vida de modo que sempre sobre um tempo para você mesmo, sua família e amigos todos os dias.

- Concentre-se. Fique longe de distrações e centralize seus pensamentos naquilo que você esta estudando no momento.- Emoção e entusiasmo são essenciais, mas ansiedade NÃO! Se você está feliz por aprender uma coisa nova, você absorve a informação mais rapidamente.

- Não deixe para amanhã o que você pode fazer HOJE!- SEMPRE pergunte se você não entendeu algo ou se você tem curiosidade sobre alguma coisa.- Relacione o que você está aprendendo com a sua vida. Como posso aplicar isso na minha vida?  
Nas aulas
 
 - Estudar em casa é tão importante quanto estudar em sala de aula.
- Procure sempre revisar as lições anteriores.
- Se você faltou algum dia, procure saber por seus colegas ou professor o que você perdeu.
- Sempre conte com a ajuda do professor se você tiver algum problema
- Chegue na hora.
- Evite distrações e conversas durante a aula.
- Faça perguntas!
- Resolva todas as suas dúvidas!
- Avalie sempre o seu curso: você está progredindo?
- No final da aula sempre pergunte para você mesmo: “o que eu aprendi hoje”?
- Ajude para que a aula seja um ambiente agradável e de aprendizado.
- Não critique, condene ou reclame na hora errada. Espere o momento oportuno para isso.
- Aprenda o nome de seu professor e de seus colegas.
- Evite discutir em sala de aula.
- Sempre traga o material para a sala de aula.
- Entregue seus trabalhos na data combinada.
- Organize seu material.
- Preste atenção. Concentre-se.
- Dê sua opinião. Contribua para o aprendizado do grupo.
- Crie um ambiente de COOPERAÇÃO e não de COMPETIÇÃO em aula.
- Respeite a opinião dos outros.
 - Mantenha sua sala organizada e limpa.
 
 MENSAGEM DA COORDENAÇÃO
Por José Fatuch Jr    

Estamos caminhando para mais um encontro do PAPE_JSD, previsto para o dia 03.09 (domingo). Na última vez, discutimos muitos temas importantes para o nosso desenvolvimento educacional e profissional e continuaremos o debate com várias informações de grande utilidade para todos.

Também aprendemos dicas preciosas da língua portuguesa, como o uso indevido do gerúndio e utilização da crase.Já estamos conseguindo preparar as reuniões dividindo-as em espaços diferenciados, o que vai facilitar a participação do pessoal. Para quem se interessa apenas pelo tema educação, por exemplo, poderá assistir só esta parte.

O mesmo vale para quem quiser participar só do espaço profissão. Entre estas atividades colocamos o espaço formação, com assuntos de interesse geral do Programa.Confira a programação de 03/09 (domingo):- 14:00 h – Espaço Educação (Carlinhos)- 15:00 h – Espaço Formação (Fatuch/Júlia)- 16:00 h – Espaço Profissão (Sidney)O endereço de nosso grupo no Yahoo é:http://br.groups.yahoo.com/group/pape_jsd/Até lá, se DEUS quiser.   
 
ESCREVENDO CERTO
Por Júlia Fatuch  

Onde ou Aonde?  
Uma questão muito comum em vestibulares é a diferenciação dos advérbios “onde” e “aonde”. O certo é dizer: “aonde você está” ou “onde você está”?

Só se deve usar “aonde”, quando houver idéia de movimento e de destino, ou seja, só com verbos como ir, vir, voltar, chegar, cair, comparecer, dirigir-se, que exigem a preposição a. 

Por exemplo: “Aonde você irá amanhã?” 
“Aonde chegaremos, com você agindo dessa maneira?
”Não havendo idéia de movimento, usa-se apenas “onde”.
“De onde”, por sua vez, é utilizado para indicar procedência.
Por exemplo: 
“Onde está você?”
“De onde você é?
”Agora ninguém vai errar no vestibular! Bons estudos!   
 
ENTREVISTA DO MÊS  
 
Nesta edição entrevistamos o nosso irmão Jessé Targino da Silva, casado com Rita Cássia da Silva. Juntamente com seus filhos rafael (13 anos) e Camila (3 anos), são assíduos freqüentadores dos eventos e trabalhos realizados no Jardim São Cristóvão há muitos anos. Atualmente residem na vila união, em Campinas.

PAPE: onde você trabalha atualmente? a cássia também trabalha ?eu trabalho na UNICAMP há 22 anos e 09 meses. A cássia trabalha também na UNICAMP, contratada via funcamp (fundação da universidade que administra diversos convênios).ela trabalhou durante 9 anos, precisou sair do emprego por um período de 09 meses para cuidar de nossa filha camila que nasceu com problemas de saúde, depois voltou a trabalhar realizando a mesma atividade.

PAPE:qual a sua formação e que cursos frequentou para obtê-la ? Iniciei meus estudos em um sítio em  dracena-sp. aos 07 anos fui para são paulo capital estudar num grande colégio estadual, aos 11 anos cheguei em campinas, onde estudei até o ensino médio nas escolas estaduais. Após o casamento fiquei 14 anos sem estudar, retornando com 34 anos e me formando em tecnólogo de recursos humanos numa faculdade particular.Hoje faço especialização em desenvolvimento gerencial na UNICAMP.Participei de diversos cursos nas áreas de informática, comunicação e gerencial.Além disso, tive a oportunidade de assistir diversas palestras e ouvir muitos sábios exporem suas idéias.

PAPE: qual a sua ocupação atual e como iniciou a sua carreira ?Iniciei minha carreira profissional como office-boy (patrulheiro), trabalhei em 2 empresas e em dezembro de 1983 fui para a UNICAMP também como office-boy, onde com dedicação, um pouco de sorte e principalmente a bênção de deus cheguei aqui.Atualmente ocupo uma função gerencial (diretor de serviço) na área de administração de pessoal – rh.

PAPE: quais barreiras ou desafios teve de enfrentar até chegar onde está ? o grande desafio de minha vida foi aprender a lidar com pessoas, com seus sentimentos e particularidades, principalmente no ambiente público que é tão carregado de politicagem.
PAPE: o que você recomenda ao pessoal da sã doutrina, que está iniciando uma carreira, escolar ou profissional ? Aos jovens, que estudem, dediquem o seu tempo para conseguir chegar no seu objetivo, tenha um foco, não atire para todo lado, “saibaa um pouco de muita coisa e muito de alguma coisa”, cultive bons amigos, aprenda a se comunicar, pois a boa comunicação é uma grande arma e abre muitas portas.e o mais importante, aprenda a ouvir a voz dos anjos e tenha deus a frente de todos os seus projetos. Tiago 04:13-17

PAPE: como você vê o mercado de trabalho hoje em dia ? ao contrário do que alguns políticos andam pregando, considero que o mercado de trabalho (empregabilidade) não anda às mil maravilhas, pois existe uma grande tendência à diminuição do emprego formal, dando espaço para os informais e ao empreendedorismo, ou o que chamamos de ser dono do seu próprio negócio.Na verdade há pouco emprego, mas existe muito trabalho.

PAPE: e a conciliação da vida religiosa com a convivência familiar e o seu trabalho, como você administra isso ? Em S. Mateus 06:33 aprendemos a buscar primeiro o reino de deus e a sua justiça, o que infelizmente, nem sempre nós conseguimos, pois dedicamos grande parte de nosso tempo nas nossas correrias com as coisas da vida material.Quanto a mim, não sou diferente, pois valoriza muito a convivência familiar e quanto ao trabalho nem tudo está sob meu controle, pois estou sujeito a cumprimento de normas e metas estabelecidas pela instituição. por tudo isso muitas vezes encontro dificuldade para atender a demanda existente na vida religiosa. Precisamos ser valentes, ter a força e a coragem de leão para que após um dia de trabalho exaustivo seguido da atenção a família, ainda continuar com vigor para irmos congregar todas as noites.
 
PAPE: gostaria de dirigir alguma mensagem aos participantes do programa PAPE_jsd ? Primeiramente agradecer aos organizadores por terem convidado a mim para está entrevista, motivo que estou muito honrado.aos demais participantes e leitores, já disse e torno a dizer que coloquem o senhor jesus em todos os seus projetos de vida.Você pode continuar escravo da preguiça, ou comprometer-se com você MESMO E TOMAR ATITUDES NECESSÁRIAS PARA CONCRETIZAR O SEU PLANO DE VIDA. 

Atualizado em ( 25-Oct-2008 )