O Poder da Uva

Imagem da noticia

19 de Agosto de 2018
Michele Nunes Lima Moreira


sadoutrina.org - Sustentabilidade - Bem Estar

Resveratrol, Um Poderoso Antioxidante​

Muitas vezes nos sentimos cansados, fatigados, até meio depressivos, sem energia, com dores musculares, levantamos da cama parecendo que temos bolas de aço nos pés, tamanha indisposição. Passamos o dia com baixo rendimento no trabalho, sem conseguir concentrar na igreja, brigamos no trânsito, com o marido ou esposa, colocamos a culpa em tudo e em todos pelo nosso mau humor, quando na verdade é o nosso corpo que pode não estar bem: ele pode estar oxidado!

Se tentarmos pedalar uma bicicleta com pedal enferrujado, precisaremos fazer muito mais força para pedalar e mesmo assim o pedal não vai girar bem. Nosso corpo quando está oxidado é como o pedal enferrujado, não funciona direito, ficamos lentos, sem energia, isso porque as reações bioquímicas necessárias não ocorrem de maneira correta.  

O corpo oxidado é quando temos excesso de radicais livres e estes oxidam as nossas proteínas, gorduras, podendo causar indisposição e em casos de desequilíbrio intenso pode desenvolver doenças crônicas, como aterosclerose, diabetes, ou doenças degenerativas como Alzheimer.

Os radicais livres são formados naturalmente quando nosso organismo metaboliza o oxigênio que respiramos para produção de energia. Em certo grau é normal sua produção, mas existem alguns fatores que geram uma produção excessiva, levando ao chamado ESTRESSE OXIDATIVO. Os fatores que causam oxidação excessiva são, principalmente, quando o organismo combate alguma infecção ou atua na limpeza de agentes tóxicos como pesticidas ingeridos, toxinas alimentares ou fumaça de cigarro.

Para auxiliar no equilíbrio do corpo necessitamos diminuir a nossa exposição aos fatores que levam a oxidação e incluir na dieta alimentos fontes de antioxidantes. Os antioxidantes irão atacar os radicais livres, impedindo-os de reagir, inibindo sua formação e ainda reparando danos já causados por eles, removendo as células danificadas e reconstituindo as membranas celulares.

Existem inúmeros antioxidantes e neste artigo irei comentar sobre um deles: o RESVERATROL.
 
O que é resveratrol e seus benefícios

O resveratrol é presente, entre outras plantas, principalmente na casca da uva tinta. A uva contém cerca de 200 polifenóis (substâncias antioxidantes) e o resveratrol é o principal.
                         
Ele tem função em qualquer organismo e vem sendo amplamente estudado, sendo os benefícios mais conhecidos:

- ação anti-inflamatória
- ação anti-cancerígena
- ação preventiva e tratamento de problemas cardiovasculares e de AVCs
- ação preventiva e tratamento de Alzheimer e Parkinson
- ação preventiva e tratamento de rugas, anti-idade
- ação de proteção contra radiações e contra efeitos secundários da quimioterapia
- ação promotora de energia
 
A estrutura do resvertrol é semelhante ao estrogênio (hormônio feminino), por isso atua como fito-estrogênio, atenuando sintomas de menopausa, como ondas de calor e oscilações de humor. Em 2017 foi publicado um estudo com mulheres em período pós-menopausa, que tomaram 75mg de resveratrol por 14 semanas e foi comprovado melhora nos sintomas de ansiedade, depressão, humor e funções cognitivas.

Outras pesquisas também confirmaram a ação do resveratrol como um ativador do gene ligado a longevidade, ou seja, ele também é um poderoso agente anti envelhecimento. Com essa pesquisa pôde-se explicar o paradoxo francês: que, apesar da dieta dos franceses ser rica em gordura, eles tem 40% menos ataques cardíacos que os americanos, o que foi explicado pelos médicos pelo grande consumo de uva tinta na França.

Podemos consumir o resveratrol pela uva mesmo (de preferência orgânica, que tem maior teor de resveratrol), pelo suco de uva (NATURAL!) ou ainda fazendo suplementação por cápsulas. Hoje o resveratrol é facilmente encontrado em farmácias, não precisa de receita médica porque não é um medicamento, é um suplemento. Para ter algum benefício, a dosagem média encontrada nos estudos é de 30mg/dia e a apresentação normalmente encontrada em farmácias é em cápsulas de 20 a 100mg.
 
Referências:

EVANS, H. M.; HOWE, P. R. C; WONG, R. H; Effects of Resveratrol on Cognitive Performance, Mood and Cerebrovascular Function in Post-Menopausal Women; A 14-Week Randomised Placebo-Controlled Intervention Trial; Australia, 2017. Disponível em: http://www.mdpi.com/2072-6643/9/1/27/htm
Berman, A. Y.; Motechin, R. A.; The therapeutic potential of resveratrol: a review of clinical trials; 2017. Disponível em: https://www.nature.com/articles/s41698-017-0038-6
http://www.drmarcos.net/resveratrol.html
https://www.tandfonline.com/doi/full/10.1517/17425247.2014.919253?scroll=top&needAccess=true
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3116821/
https://repositorio.ufsm.br/bitstream/handle/1/11106/SCHMATZ%2C%20ROBERTA.pdf?sequence=1&isAllowed=y

https://drauziovarella.uol.com.br/drauzio/uvas-vinhos-e-longevidade/

Imagem Imagem

Categorias

Participe da nossa enquete!

Quantas Vezes ao Todo os Israelitas Rodearam Jericó?

ÁREA RESTRITA